ABM
Business Intelligence, Lead Generation, Marketing, Vendas

Como usar o ABM em épocas de crise?

Certamente, você deve estar pensando: como posso impulsionar o meu negócio? Como aumentar as vendas em épocas de crise? O que fazer para manter a produtividade do meu time e garantir que a minha empresa se desenvolva nesse cenário tão turbulento? Pois, bem, saiba que o Account-Based Marketing (ABM) pode ajudar!

O ABM é uma estratégia focada em contas predefinidas, ou seja, primeiramente são selecionados quem são os potenciais clientes da sua empresa para, depois, criar campanhas. Essas ações têm como objetivo principal atrair e gerar relacionamentos valiosos.

E sabemos da importância em manter os relacionamentos e em estimular a fidelidade do seu cliente em épocas de pandemia, certo? Por isso, venha conosco que vamos proporcionar insights valiosos! Vamos lá?

Identifique quem são os potenciais clientes

Faça uma análise sobre quem são os seus clientes promotores do seu negócio. Aqui uma técnica interessante é utilizar a pesquisa de satisfação baseada no método Net Promoter Score (NPS). Ela se resume em enviar a “pergunta definitiva”:

  • Em uma escala de 0 a 10, o quanto você indicaria a nossa empresa a um amigo?

Como respostas, você classifica os clientes em promotores (totalmente satisfeitos), detratores (insatisfeitos) e neutros (os indiferentes). Também é possível calcular em qual zona a sua empresa está e promover diversas ações baseadas nessa análise.

Enfim, o mais importante aqui é identificar os promotores do seu negócio, aqueles que amam a sua marca e ajudam a divulgá-la.

Gere uma lista de contas ABM

Agora que você encontrou quem são os seus clientes ideais (promotores), gere uma lista de contas ABM. Selecione esses dados (de empresas ou de clientes) para iniciar um teste. Também vale a pena trocar ideias com o seu time comercial para conferir se todos os promotores foram identificados na pesquisa anterior.

Outra sugestão é conferir o histórico do cliente para estudar mais sobre os seus hábitos de compra e suas preferências e quais são as soluções que a sua empresa ainda pode oferecer.

Crie conteúdos e ofertas personalizados

Por fim, chegou o momento para investir em ofertas e campanhas personalizadas para a sua lista segmentada de e-mails. Crie boas estratégias de conteúdo que oportunizem mais vendas, sempre pensando na humanização da comunicação (afinal, o seu cliente não quer falar apenas com um robô) e também em como proporcionar uma experiência única.

Lembre-se também de que a personalização é o grande segredo para chegar ao coração do seu consumidor, encantando-o com as suas soluções e também para mostrar os verdadeiros diferenciais do seu negócio.

Repita a estratégia ABM com todas as suas listas segmentadas

Você pode repetir essa estratégia com outras contas ABM. Por exemplo, para os clientes detratores (insatisfeitos), você pode enviar uma pesquisa para compreender em quais aspectos a sua empresa precisa melhorar. Assim, se o cliente relatou algum problema, há a chance de resolvê-lo para transformá-lo em um promotor – consequentemente, isso aumenta as vendas da sua empresa.

Da mesma maneira com os clientes neutros: diversas estratégias podem ser utilizadas para que ele volte a comprar da sua empresa e se transforme em um promotor.E aí? Gostou de aprender um pouco mais sobre como usar o ABM em épocas de crise? Então, temos a certeza de que vai gostar de ler também 3 dicas de vendas B2B para épocas de pandemia! Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *